Programa Mineração

EDITAL

10/08/2016

Cabeçalho_Timbrado_SST_2016_455_x_84- EDITAL 2016- 

  1. OBJETIVOS

O Prêmio “Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016” visa reconhecer o esforço de empresas da Mineração na implantação de melhorias no ambiente de trabalho industrial, além de divulgar à sociedade as ações bem sucedidas de promoção da Saúde e Segurança dos Trabalhadores do setor.

Podem participar do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 empresas associadas ao Programa MINERAÇÃO (www.programamineracao.org.brque pratiquem boas práticas em atenção ao trabalhador.

  1. CATEGORIAS DOS CASES
  • Gestão de Emergências em Barragens de Rejeitos
  • Melhores Práticas em Trabalho em Altura na Mineração
  • Saúde Ocupacional – Gestão de Absenteísmo

 Os cases inscritos poderão ser premiados em apenas uma das categorias acima relatadas e classificados em primeiro, segundo ou terceiro lugar (categorias ouro, prata e bronze, respectivamente).

  1. ROTEIRO DO CASE

3.1 – Tamanho: o case a ser relatado deve terno máximo 15 páginas, em formato Word, A4, fonte Arial, corpo 12.

3.2 – Anexos:  poderão ser apresentados como anexos: ilustrações, fotos, gráficos e vídeos. Os anexos são complementares às páginas de texto, não contando para o número total de páginas definido no item 3.1.

3.3 – Inscrição: o case inscrito deverá estar acompanhado do respectivo Formulário de Inscrição.

3.4 – Declaração: O case inscrito deverá estar acompanhado da declaração prevista no item 6.2.

3.5 – Detalhamento:

3.5.1 – A Empresa: apresentação da empresa, com dados sobre data de fundação, setor de atuação, principais produtos e mercados (estados ou países), número de funcionários (em caso do case ser apresentado por uma unidade produtiva, mencionar o número total de funcionários da empresa e o número da unidade), CNAE e grau de risco da empresa. – 1/2 página.

IMPORTANTE: Para efeito desta premiação considera-se “empresa” a matriz ou a unidade produtiva (filial) que originou o case.

3.5.2 – SST na Empresa:  Informar o número de profissionais integrantes do Serviço Especializado de Segurança e Medicina do Trabalho – SESMT próprio e/ou terceirizado e o número de membros da CIPA (em caso do case ser apresentado por uma filial, apresentar os números da filial). – 1/2 página.

3.5.3 – O Problema: apresentar um resumo do problema existente, objeto do case, bem como seus efeitos junto à empresa e aos trabalhadores. – até duas páginas.

3.5.4 – O Case: Apresentar o case detalhando as ações desenvolvidas, bem como as soluções que foram encontradas e como foram implementadas. – até nove páginas.

3.5.5 – Os Resultados: apresentar os resultados obtidos a partir do case. Sempre que possível, informar números relativos às melhorias na área de SST resultantes das ações integrantes do case. – até três páginas.

3.5.6 – Conclusões: apresentar as conclusões finais sobre o trabalho apresentado. – até duas páginas.

3.5.7 – Anexos: ao final do trabalho pode ser colocada, opcionalmente, uma seção de anexos composto por gráficos, tabelas, ilustrações, fotos, documentos, vídeos etc.

Estes anexos não contam para efeito da limitação das 15 páginas anteriormente referendadas.

  1. INSCRIÇÕES

4.1 – As empresas interessadas em participar deverão encaminhar Uma cópia do formulário de inscrição devidamente preenchida e assinada, até o dia 30 de setembro de 2016 para o email programamineracao@ibram.org.br .

4.2 – Cases

4.2.1 – As empresas poderão inscrever um ou mais cases sobre práticas bem sucedidas em Saúde e Segurança do Trabalho segundo o escopo do item 2.

4.2.2 – Os cases deverão ser enviados até o dia 14 de outubro de 2016, entregues diretamente no IBRAM-MG ou encaminhados via Correio – SEDEX, até às 16h, em envelope fechado, contendo:

  • Duas cópias impressas do Case;
  • Dois CD-Rom com arquivo digital do case;
  • Declaração prevista no item 6.2 deste regulamento confirmando a ausência de acidente de trabalho com morte ou incapacidade total entre os trabalhadores da unidade produtiva inscrita.
  • Duas cópias de material opcional que poderão complementar o case como fotos, vídeos, folders, cartazes, cartilhas e outros que auxiliem os jurados na análise.

Endereço para envio dos Cases:

IBRAM-MG – Programa MINERAÇÃO – Prêmio Melhores Práticas em SST 2016 

Rua Alagoas, nº 1270 – conj. 1001 – Funcionários 30130-160 – Belo Horizonte – MG

O material encaminhado ao Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 não será devolvido.

Para efeitos de prazo será considerada a data de postagem como a data limite do material enviado por Correio.

IMPORTANTE:

1-    O mesmo case não poderá ser inscrito em mais de uma categoria. Caso a empresa tenha dúvida sobre em qual categoria o case deve ser inscrito, um pequeno resumo de até 20 linhas poderá ser encaminhado para o e-mail (programamineracao@ibram.org.br) ou pelo fax (31) 3223-6751 ao Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 até dez dias antes do prazo final para entrega do case, conforme previsto no item 4.2.2. O remetente receberá a orientação sobre o adequado enquadramento, via e-mail. O envio de um mesmo case para mais de uma categoria poderá representar a desclassificação do case, a critério dos jurados.

2-    O prazo final de inscrição do case permanecerá dia 14/10/2016, independente de qualquer condição.

  1. GARANTIA DAS INFORMAÇÕES

Todas as informações apresentadas no case deverão expressar a verdade, devendo os responsáveis pela inscrição garantir a fidelidade dos relatos e informações apresentadas.

A critério dos jurados do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016, poderão ser solicitadas informações complementares sobre os cases apresentados, além de comprovação do que estiver sendo afirmado através de documentos que confirmem a veracidade das informações. O não cumprimento destas solicitações poderá provocar a desclassificação do referido case.

  1. PRÉ-REQUISITOS

Para o case ser inscrito, a empresa, matriz ou unidade produtiva, responsável pela inscrição, deverá atender aos seguintes requisitos:

6.1 – Ausência de acidente de trabalho com morte ou incapacidade total permanente, na unidade produtiva inscrita, nos 12 (doze) meses anteriores à data da inscrição.

6.2 – Junto à inscrição deverá estar anexada uma declaração assinada por um representante da matriz ou unidade produtiva inscrita confirmando a ausência de acidente de trabalho com morte ou incapacidade total entre os trabalhadores da unidade produtiva inscrita nos últimos 12 meses a contar da data da remessa da inscrição com o seguinte conteúdo:

“DECLARAÇÃO

Declaramos para os organizadores do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 que nos últimos 12 (doze) meses não ocorreram acidentes de trabalho com morte ou incapacidade total entre os trabalhadores de nossa empresa (matriz ou unidade produtiva).

(cidade, data, nome da empresa, nome do responsável pela declaração e assinatura)”

 

  1. JURADOS

O IBRAM/Programa MINERAÇÃO definirá a composição dos jurados do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016, entre profissionais de reconhecido conhecimento técnico e profissional. O nome dos jurados será divulgado na ocasião da decisão final do prêmio.

Não caberá nenhum tipo de recurso às decisões adotadas pelos jurados do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016.

O júri escolhido para o Prêmio: Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 é soberano para, a seu critério, excluir qualquer uma das premiações ou criar premiações especiais.

Questões omissas neste regulamento serão decididas pelos jurados e/ou Comissão Organizadora do Prêmio, de forma soberana.

 

  1. AVALIAÇÃO

Os critérios de avaliação dos jurados levarão em conta:

  • Inovação – 10 PONTOS
  • Envolvimento de outros setores da empresa nas ações de SST apresentadas – 10 PONTOS
  • Envolvimento dos funcionários nas ações de SST apresentadas – 10 PONTOS
  • Resultados econômicos decorrentes das ações de SST apresentadas – 10 PONTOS
  • Comprovação dos resultados obtidos – 20 PONTOS
  • Abrangência da ação apresentada – 20 PONTOS
  • Melhoria contínua – 20 PONTOS
  1. RESULTADO

As empresas vencedoras serão comunicadas oficialmente do resultado do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 somente em 25 de novembro de 2016 no site do Programa MINERAÇÃO (www.programamineracao.org.br). Na solenidade de entrega do Prêmio, que acontecerá no dia 06 de dezembro de 2016, na cidade de Belo Horizonte – MG, em local a ser confirmado pela organização do evento, será divulgada a classificação final da premiação.

As empresas participantes deverão assegurar presença de, pelo menos, um representante na solenidade de premiação que ordenará em Belo Horizonte/MG.

IMPORTANTE: Os eventuais custos de deslocamento, alimentação e hospedagem do representante da empresa serão de responsabilidade da empresa vencedora.

  1. PREMIAÇÃO

Os cases premiados em primeiro, segundo e terceiro lugares nas diferentes categorias do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 receberão um troféu no evento da solenidade de entrega do Prêmio.

As empresas participantes serão beneficiadas pela divulgação institucional que consta no item 11 deste regulamento.

  1. DIVULGAÇÃO

Os cases premiados em primeiro lugar nas categorias do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 terão a seguinte divulgação institucional:

1º lugar: um representante da empresa será convidado a apresentar o case em Painel Específico no I Congresso de SST na Mineração, a ser realizado em data futura.

IMPORTANTE: Os eventuais custos de deslocamento, alimentação e hospedagem do representante da empresa serão de responsabilidade da empresa vencedora.

2º e 3º lugares: Os cases premiados terão a elaboração de matéria jornalística que será divulgada no site do Programa MINERAÇÃO e/ou outros meios de divulgação do IBRAM.

  1.  DISPOSIÇÕES GERAIS

12.1 – A inscrição para o Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 implicará a aceitação das condições deste regulamento.

12.2 – O descumprimento de qualquer um dos pré-requisitos deste regulamento implicará a imediata desclassificação da inscrição.

12.3 – As empresas que participarem do Prêmio Melhores Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho 2016 comprometem-se a autorizar previamente a divulgação do conteúdo dos cases, por meio dos veículos de comunicação produzidos e distribuídos pelo IBRAM e nas entidades acadêmicas que possuam algum vínculo com o IBRAM (Universidades, etc.)